29 de setembro de 2014

Torpe

Sei que não deveria repercutir a "visita" de torcedores ao CT do América, isso só atrai holofote para a coisa ruim, de qualquer forma como não quero acreditar em motivação torpe, apenas expresso minha solidariedade ao inocente que perdeu dois dedos da mão por um rojão. Será que o(s) mentor(es) da infeliz ideia prestará(ão) assistência a esse rapaz? Será que haverá alguma reunião para reavaliar a ação? Será que os objetivos foram atingidos? Sei não... 

SINAL AMARELO AVERMELHADO

O Flamengo vem na próxima quarta-feira com um histórico de quatro jogos sem vencer. Advinha com quem ele espera quebrar esse jejum?

O América vem também de um jejum de... - perdi as contas - várias partidas sem vencer e estamos mostrando um futebol vamos dizer... medíocre ultimamente.

Muito o que aprender com o jogo do Flamengo ontem contra o Bahia. É só pegar  a cópia e assistir novamente quantas vezes quiser.

Muito cuidado com a velocidade de Everton pela esquerda. Se formos lentos e pesados, abriremos uma avenida por ali.

Sinal Amarelo?! Valha-me minha Nossa Senhora!

28 de setembro de 2014

MIREM-SE NO EXEMPLO, POR FAVOR

Espero que nosso treinador tenha "obrigado" seus comandados a assistirem aos jogos do Brasileiro ontem e hoje pela TV, para que sintam o que é jogar com vontade, com fibra, com raça, e para que se lembrem com saudade e inveja como é a vibração e a alegria de um gol marcado. Exemplos não faltam.

27 de setembro de 2014

AGIR E REAGIR

Não gostaria de estar na pele de Gustavo Carvalho hoje. Queira ou não, há um processo eleitoral em andamento e isso divide a atenção do presidente. Ele não pode simplesmente deixar de lado esse momento para gerir apenas e exclusivamente o América Futebol Clube.
O que parece que existe é uma rixa entre atletas e isso está prejudicando o time como um todo. Em qualquer grupo há esse tipo de coisa. Administrar conflitos é função de quem está à frente, na função de comandante. Ninguém adivinharia, porém, que justamente agora iria haver um problema dessa ordem para gerir.
Quanto ao time, bem, espero que o "agora ou nunca" (postagem de 26/09) não fique no "nunca". A "raça e respeito" (19/09), ainda estou esperando dos nossos atletas. E os "seis pontos"  (26/09) agora são nove. Ou doze, ou quinze... No final das contas, "Vergonha" (26/09) foi o que todos os torcedores, e quem mais tem esse sentimento na cara, sentiram após o apito final de ontem. Visivelmente faltou compromisso e vontade a alguns jogadores na partida contra o Vila Nova.
Boa sorte, presidente! Vamos agir. Espero que ainda dê tempo.

26 de setembro de 2014

Né?

JOGO DE SEIS PONTOS,...

UMA VÍRGULA,
DOIS TRAVESSÕES,
OITO EXCLAMAÇÕES,
PARÊNTESES, COLCHETES,
ALGUNS ACENTOS AGUDOS,
TAMBÉM   CIRCUNFLEXOS,   E
NEM UMA INTERROGAÇÃO SEQUER!

É agora ou nunca

Hoje, sexta-feira 19:30 horas no Dunão, temos tudo para iniciar a tão desejada recuperação, basta esquecer os bastidores, os "pratrasmentes" e focar apenas no jogo contra o Vila Nova. Deixemos as guerras internas, deixemos as picuinhas e maçãs podres pra lá, a hora é de juntar força, de união e superação. Pra cima deles meu Dragão! É agora ou nunca, né?