18 de abril de 2018

Confiantes X Confiança

Amanhã iniciaremos nossa caminhada de retorno ao lugar que nunca deveríamos ter saído. Time novo, bem montado do goleiro ao centro-avante, diferente nos nomes e na disposição de vencer. Acredito numa nova história, acredito em vitórias e sucesso nesta nova etapa. É esperar pra ver. Confiantes, né?

16 de abril de 2018

QUE REPERCUSSÃO, HEIN?

Sinceramente (mentira), fiquei sensibilizado com tanta preocupação da imprensa falada, escrita e cuspida, com relação ao erro absurdo, crasso, inadmissível, imperdoável, condenável, repugnante do árbitro ontem ao marcar um pênalti inexistente, inventado, mancomunado, fantasioso do jogador do bczim no atacante do Globo. E à noite, no programa Fantástico da Globo, ainda vem aquela reportagem falando de resultados arranjados no campeonato paraibano. Talvez isso tenha feito as reações indignadas piorarem e muito. Pelo jeito vai valer até habeas corpus no STF com direito a embargos dos embargos dos embargos dos embargos. Muito justo.
Engraçado que a mesma reação (nem uma ínfima fração dela) não foi vista, ouvida ou lida com relação a um gol "quase" de mão do Estadual desse ano, que antecipou mais um legítimo título para o colecionador de títulos daqui.


Só para lembrar.

Paroxístcos e seletivos

Diante das suspeitas de falcatruas na Federação Paraibana de Futebol, e na sua comissão de arbitragem, fico a imaginar a sorte que temos nas terras do rio grande do Potengi... Por aqui os resultados duvidosos não passam de infelicidades e, por assim dizer, transtornos paroxístcos e seletivos da acuidade visual de alguns. Ufa! Ainda bem, né?

7 de abril de 2018

Brastemp

Fui, vi e gostei. América com caras novas agrada a torcida pela garra e qualidade dos recém contratados. Se é certo que o time adversário não era nenhuma Brastemp, pelo menos fica a certeza  que “os filhos da mata” venderão caro cada centímetro do campo de jogo, né?

28 de março de 2018

Viúvas

Não sei a troco (não falei toco, viu?) de quê tantas sementes de discórdias estão sendo plantadas na "isenta" para desestabilizar o clima do América Futebol Clube. Fatos como uma dispensa de um auxiliar de treinador ganha de repente uma importância proporcional  a um caudaloso rio de lágrimas de crocodilo... Mais adiante, da mesma fonte, nos atuais moldes dos fake news, surge a estapafúrdia notícia de uma truculenta reunião que nunca houve comandada pelo técnico americano. Sei não, mas algo no ar cheira à viúvas dos treinadores passados, né? 

27 de março de 2018

Ufa!



Enfim são assentados os primeiros pilares dos camarotes da Arena América. Um parto laborioso fruto de dificuldades operacionais da indústria de pré-moldados, mas o que importa é que mais um marco desta longa caminhada acaba de ser fincado. Dizer da nossa felicidade seria redundância, dizer que a árdua luta continua pela realização do sonho da casa própria, também. Resta agradecer àqueles que compartilham conosco esta mesma quimera, né?

21 de março de 2018

Freio de arrumação

maré de vazante
Esse termo era usado na minha época de criança quando o motorista de ônibus, num freio brusco, "acomodava" todos os passageiros à frente do coletivo. Pois é, ontem conversei longamente com o presidente Eduardo Rocha que num freio de arrumação promove o reordenamento do elenco e equipe a seu modo, gosto e responsabilidade. Agora é esperar, torcer e acreditar que essa maré de vazante um dia vire, né?